Conheça o Tuiuiú - Adilson Barroso Ambientalista

Nos ajude vencer esse prêmio!

Influenciadores Digital 2018

Conheça o Tuiuiú

O Tuiuiú é conhecido na região de Mato Grosso e Mato Grosso do Sul, como Jaburu ou Tuim-de-papo-vermelho; no Amazonas como Cauauá; e, no sul do Brasil como Jabiru.  O nome científico no tupi significa: yabi’ru, iambyrú, que significa pescoço inchado, muito grande; no grego: mukter, mukterizo, que significa focinho, nariz, bico. No significado mais amplo: “Ave com nariz muito grande de pescoço inchado”.

Essa ave é pernalta, de pescoço nu, preto; e, na parte inferior tem o papo nu e vermelho. A plumagem do corpo é branca e das pernas pretas. Ela chega a ter 1,4 metros de comprimento por 1,60 metros de altura, com uma envergadura de aproximadamente 3 metros. A distância do bico tem 30 cm, é preto e muito forte, e seu peso médio é de 8 quilos. A fêmea geralmente é menos que o macho. Voa com o pescoço e pernas esticadas, ao contrário das garças que durante o voo mantém os pescoços encolhidos.

Sua alimentação é de peixes, moluscos, répteis, insetos e até pequenos mamíferos. Mas, também se alimenta de pescado morto, ajudando a evitar a putrefação dos peixes que morrem por falta de oxigênio nas épocas de seca.

Os ninhos do Tuiuiú são as maiores estruturas construídas por aves no Pantanal e podem ser feitos em grupos de até seis, às vezes juntos com garças e outras aves. A reprodução no Pantanal coincide com a baixa das águas, fato que facilita a pesca em razão de várias espécies de peixes, como o mussum e a traíra, ficarem presos nas lagoas, baias e corixos.

Essas aves escolhem as árvores mais altas dos capões ou mata ribeirinha, para ficarem até atingir a média de 1,85 metros de diâmetro e 70 centímetros de altura, contudo já houve registro de nicho com 3 metros de diâmetro. A altura chega atingir 11 metros, com extremos entre 4 e 25 metros. São feitos com galhos grossos na parte externa, forrados no interior com capins e plantas aquáticas. Geralmente põe 4 ovos – raramente 5 -, incubados por 60 dias. Os filhotes saem do ninho aos 3 meses de idade, acompanhando os pais nas primeiras semanas de vida.

Ao final do período reprodutivo, se vê que o ninho fica sólido, capaz de sustentar uma pessoa adulta sobre ele. E, aves como a cocota, piriquito-barroso, usam a base para o seu benefício. O casal fica unido pelo menos no período do ciclo reprodutivo. É uma ave que realiza movimentos migratórios, e vive às margens de grandes rios e lagos com árvores esparsas, e áreas úmidas que tenham fartura de peixes.

O Tuiuiú é encontrado desde a Região Norte até São Paulo, Santa Catarina e Rio Grande do Sul e Bahia. Também do México até o Paraguai, Uruguai e Norte da Argentina, porém, as maiores populações estão no Pantanal e Chaco Oriental, no Paraguai. Mas, é no Estado de Mato Grosso e Mato Grosso do Sul, no Brasil, onde se encontram mais de 50% da população mundial.

"Este é um blog de notícias que contém alguns tratamentos caseiros. Elas não substituem um especialista. Consulte sempre seu médico."

Inscreva-se no meu canal!

Curta nossa página!

Mais Visualizadas