Saiba como fazer uma drenagem linfática caseira em diversas partes do corpo!

Nos ajude vencer esse prêmio!

Influenciadores Digital 2018

Saiba como fazer uma drenagem linfática caseira em diversas partes do corpo!

Drenagem linfática caseira

A drenagem linfática caseira é um tipo de massagem que estimula o sistema linfático e o faz  trabalhar de maneira mais rápida. Sua função é drenar a linfa, que é o líquido que fica entre os gânglios linfáticos e carregam toxina e resíduos. A drenagem elimina os resíduos metabólicos por meio de movimentos especiais de massagem.

Esta massagem não é dolorosa e pode ser feita em uma clínica especializada, com autorização médica ou de forma caseira, que promove uma pressãi intrínseca dentro do gânglio para a remoção das toxinas. De forma caseira, ela pode ser realizada com um simples desentupidor de pia.

Ele quem irá oferecer esta pressão para retirar toxinas acumuladas, principalmente de axilas, estômago e virilha. Com o corpo molhado, você pode aplicá-lo no banho ou antes de se enxugar.

Leia também: Aprenda a receita de uma poderosa Plástica Natural Caseira para o rosto!

Basta fazer movimentos no local como se estivesse mesmo desentuindo algo, pois assim, ele irá agir com o vácuo sobre a pele.

Veja o procedimento correto para cada parte do corpo:

  • Rosto: usando os dedos, drene o rosto movimentando-0 de baixo para cima, da bochecha ao redor dos olhos por cerca de dez vezes em cada lado.
  • Estômago: pressione para dentro e para fora entre cinco e dez vezes para eliminar as toxinas que ficam acumuladas nos gânglios.
  • Virilha: realize movimentos  rápidos por dez vezes, em cada virilha  todos os dias.
  • Axila: faça o mesmo movimentos nas axilas, dez vezes em cada uma delas.

É importante lembrar que drenagem linfática caseira na axila é previne o câncer de mama, é prática, fácil e só promove bem-estar. O corpo não deve estar úmido de creme, somente de água. Experimente!

 

"Este é um blog de notícias que contém alguns tratamentos caseiros. Elas não substituem um especialista. Consulte sempre seu médico."

Inscreva-se no meu canal!

Curta nossa página!

Mais Visualizadas