Conhece o chá de João Gomes? Ele trata a fadiga e outros problemas de saúde!

Inscreva-se no meu canal!

Conhece o chá de João Gomes? Ele trata a fadiga e outros problemas de saúde!

Planta João Gomes

A erva João Gomes também é conhecida como beldroega. Ela é da família das Portulacaceae e, além de ser usada no tratamento da fadiga, ela também é recomendada em problemas gástricos, intestinais, urinários e na regeneração da pele. Por nome científico de talinum paniculatum, a João Gomes possui propriedades depurativa, mucilaginosa, antiescorbútica, cicatrizante, diurética, emenagoga, béquica, vulnerária e emoliente.

Na pele, ela é útil em casos de eczemas, edemas, ferimentos, cortes, pruridos intensos, coceiras e calos. Além disso, a planta também tem a capacidade de reduzir a fraqueza, cansaço mental e físico e fadigas. Esta erva também age contra infecções urinárias, intestinais e gástricos.

Para fazer chá de joão gomes, pode-se utilizar de decocção ou infusão. Na decocção, use 20 gramas de raízes esmagadas misturadas em um litro de água. Coloque-os numa panela, ligue o fogo e aguarde até começar a ebolição. Aí, desligue o fogo e tampe a panela. Deixe a mistura descansar por cerca de dez minutos, depois coe e beba.

Leia também: Chá de cabelo de milho ajuda na perda de peso e age contra infecções diversas. Veja a receita!

Se preferir a infusão, utilize  20 a 30 gramas das raízes na forma normal. Despeje-as no interior de uma chaleira junto a um litro de água fervente, tampe e espere cerca de dez minutos. Depois disso, coe e beba. A quantidade ideal de consumo é de até três xícaras por dia.

Suas folhas também podem ser usadas em compresas para extração de calos. É só aplicá-las sobre o edema duas vezes ao dia, até que a calosidade apresente melhoras.

O uso desta planta não é recomedado para muheres gestantes, lactantes ou crianças com menos de 12 anos. É importante sempre a orientação de um médico antes de qualquer tratamento natural.

"Este é um blog de notícias que contém alguns tratamentos caseiros. Elas não substituem um especialista. Consulte sempre seu médico."

Inscreva-se no meu canal!

Curta nossa página!

Mais Visualizadas