Saiba tudo sobre um dos insetos mais admirados do mundo: o vaga-lume

Inscreva-se no meu canal!

Saiba tudo sobre um dos insetos mais admirados do mundo: o vaga-lume

Vaga-lume

Também conhecido como pirilampo, o Vaga-lume pertence a categoria dos coleópteros, e sua principal característica é a emissão de luzes fosforescentes. A espécie mais comum no território brasileiro pertence a família Lampyris noctiluca. Nesta categoria, somente os insetos machos são alados.  As fêmeas não possuem asas.

A sua alimentação consiste em vegetais e tem hábitos de vida noturnos. Esses insetos possuem órgãos bioluminescentes na região inferior do abdômen e geralmente, começam a vagar logo no início da noite.

Vivem em árvores e são identificados por seu brilho verde semelhante a um pequeno farol. Esta luz pode ser  contínua ou intermitente. Esta espécie é encontrada em áreas de vasta vegetação, tropicais e temperadas, tanto no Brasil, quanto no resto do mundo.

A luz desses insetos é usada para sua comunicação biológica e seus tamanhos variam de um a três centímetros de comprimento. De acordo com alguns pesquisadores, somente no Brasil são encontradas 500 espécies diferentes desse inseto.

Vaga-lume e sua luz verde

Leia também: Além das fábulas, o que você sabe sobre a vida das cigarras?

Todos os insetos que emitem fosforescência se enquadram na família dos lampirídeos, inclusive o vaga-lume. Existem mais de 1900 tipos de espécies de vaga-lumes registrados no mundo.

Infelizmente, o vaga-lume está desaparecendo gradualmente devido a presença da poluição e de luzes artificiais nas áreas rurais. Além disso, o desmatamento frequente contribui para que o vaga-lume caminhe rumo a extinção. O ciclo de vida deste inseto é cerca de um a três anos.

Por meio da substância denominada luciferina, os vaga-lumes são capazes de emitires a sua luz verde.Isso se dá pela enzima luciferase, o faz com que os insetos percam a energia. Todo este processo é controlado pelo sistema nervoso do inseto. Cada espécie de vaga-lume tem seu padrão próprio de luminosidade.

É importante ressaltar que  luz do vaga-lume é uma forma de comunicação entre os machos e as fêmeas, o que é um fator responsável por sua reprodução no planeta.

Inscreva-se no meu canal!


Melhores