Conheça tudo sobre a rosa de saron. - Adilson Barroso Ambientalista

Nos ajude vencer esse prêmio!

Influenciadores Digital 2018

Conheça tudo sobre a rosa de saron.

A Rosa de Saron esteve sempre no meu ministério, esse nome tem um certo mistério, e soa como uma certa poesia envolta em música suave nos envolvendo, e nos levando a sonhar com lugar distante! Talves por estar tão ligada ao amor que Salomão dedica a sua amada, e na declaração que ela lhe faz. “Eu sou a Rosa de Saron e o lírio dos vales”.
Procurei desvendar essa Rosa através de algumas pesquisas realizadas.
Na verdade sabe-se pouco acerca dessa famosa rosa.

A rosa-de-sarom é uma planta arbustiva muito florífera e popular, conhecida pelo doce perfume de suas flores. Ela apresenta caule fibroso, ereto e ramificado. Suas folhas são ovaladas a lanceoladas, alternas, mucilaginosas, brilhantes, com margens recortadas e coloração verde-escura. As flores podem ser simples ou dobradas e formam-se durante o ano todo, mas são mais abundantes na primavera e verão. Ocorrem diversas variedades de flores róseas, vermelhas, roxas, azuis ou brancas e combinações entre estas cores. As flores atraem beija-flores e borboletas.

A rosa-de-sarom é largamente utilizada no paisagismo, sendo plantada isolada, em conjuntos, ou em renques, de aspecto informal ou formal. Presta-se como excelente cerca-viva, sendo rústica e florífera ao mesmo tempo. Seu porte é médio, atingindo cerca de 3 metros de altura. Ela apresenta folhagem de textura média, aberta e sua copa natural tem a forma de um vaso. Com podas torna-se mais compacta e adquire outros formatos. A rosa-de-sarom também pode ser conduzida como uma arvoreta, com caule único e copa arredondada. Desta forma fica perfeita em calçadas estreitas, onde árvores maiores seriam desproporcionais. Suas flores são consideradas comestíveis e delas se pode fazer deliciosas saladas ou geléias. Das folhas também se faz um chá muito aromático.

Deve ser cultivada sob sol pleno, em solo fértil, drenável, enriquecido com matéria orgânica e irrigado periodicamente. A rosa-de-sarom é tolerante ao frio e à geadas leves, tornando-se caduca em regiões de inverno moderado. Também pode ser utilizada no litoral, pois tolera a salinidade do solo. Adubações mensais na primavera, verão e outono estimulam intensas florações e deixam a mais folhagem vistosa. Podas de limpeza, formação e renovação são essenciais para esta espécie e devem ser realizadas no inverno. Multiplica-se por estaquia dos ramos semi-lenhosos e por sementes.

"Este é um blog de notícias que contém alguns tratamentos caseiros. Elas não substituem um especialista. Consulte sempre seu médico."

Inscreva-se no meu canal!

Curta nossa página!

Mais Visualizadas