Animais ameaçados de extinção: conheça as espécies que correm risco e as que se salvaram

Inscreva-se no meu canal!

Animais ameaçados de extinção: conheça as espécies que correm risco e as que se salvaram

Urso Panda Gigante

Existem inúmeras espécies ameaçadas de extinção em nosso planeta. No ano passado, o mundo comemorou a  notícia de que o panda gigante não fazia mais parte da lista de animais ameaçados. A União Internacional para Conservação da Natureza – UICN revelou que, após 15 anos de sofrimento, a espécie já estava fora do risco de ser extinta.

Mas a luta ainda é grande e duradoura. Entre tantos animais em extinção estão os gorilas do oriente e  as zebras da planície, que sofreu 24% de redução da espécie nos últimos dez anos.

Trouxemos neste artigo algumas informações sobre este mal da natureza: o risco de extinção.

  • Você já deve ter ouvido falar no lobo-da-tasmânia, também popularmente conhecido como tilacino. Era muito parecido com um cachorro , mas com listras pelo corpo e bolsa parecida com a dos cangurus.Esta espécie desapareceu do planeta em 1936.
  • Há pouco tempo, foi postado um vídeo na internet que retrata a possibilidade de ainda restar  lobo-da-tasmânia próximo a Adelaide, no Sul da Austrália. Porém esta informação ainda não foi confirmada.
  • Alguns especialistas até tentaram clonar o lobo, partindo do DNA da fêmea preservada em etanol e mantida no Museu Australiano. Mas, abortaram a ideia em  2005.
Lobo da Tasmânia

Leia também: 14 curiosidades sobre o sono dos humanos e dos animais que você precisa saber!

  • Infelizmente, estima-se que de 99% de todas as espécies que já existiram na Terra foram extintas.
  • O quagga, que é uma espécie de zebra, foi o primeiro animal em extinção ao ter seu DNA sequenciado em 1984.
  • O pássaro Dodô, em 2010 foi estudado por especialistas que concluíram que as possibilidades de aparecer uma espécie viva no planeta seria de três dentro de um milhão. O último morreu em 1662.
  • Era certo de que os celacantos (peixe sarcopterígio) tinham concluído sua extinção há mais de 70 milhões de anos, porém, a África do Sul, um exemplar da espécie foi encontrada em 1938.
  • Ocorreram, no mínimo, cinco eventos de extinção no planeta Terra e 70% das espécies vivas foram mortas em cada um deles.

Inscreva-se no meu canal!


Melhores